Prefiro ter histórias para contar do que bens para juntar.

Para refletirmos…

ILUSÕES DE VIDA CURTA

Consumidores auferem mais prazer ao desejar os produtos do que ao efetivamente comprá-los e tê-los para si.

Apesar disso, grande parte dessas pessoas se aventura em dívidas acreditando que suas compras poderão trazer mudanças na sua vida e fazê-las mais felizes.

“Pensar sobre as compras aumenta a felicidade momentânea nas pessoas materialistas, e como elas tendem a pensar um bocado sobre comprar, esses pensamentos fornecem injeções de ânimo frequentes,” explica Marsha Richins, da Universidade de Missouri (EUA).

O problema é que essas injeções de ânimo e melhoria de humor têm vida curta.

Foto: Mochileiro Peregrino

Foto: Mochileiro Peregrino

ILUSÃO DA FELICIDADE

A ilusão da felicidade comprada se esvai tão logo a compra é feita, concluiu o estudo.

“Embora as pessoas ainda sintam emoções positivas após fazerem uma compra, essas emoções são menos intensas do que antes da compra,” explica a pesquisadora.

Pessoas materialistas tendem a comprar muito mais do que outros consumidores, o que as torna mais propensas a se endividar, já que elas acreditam que comprar coisas as fará mais felizes.

1394234_656783444341909_1706527719_n

Foto: Mochileiro Peregrino

MUDAR A VIDA

Os materialistas demonstraram emoções positivas significativamente mais fortes quando pensavam em comprar coisas.

Isso foi válido tanto para coisas baratas, de uso no dia-a-dia, quanto para objetos caros, como automóveis.

E também se repetiu quando os pesquisadores compararam compras que poderiam ser feitas a curto prazo e compras que seriam feitas no futuro distante.

A intensidade do aumento de satisfação que as pessoas experimentaram ao pensar em um compra mostrou-se diretamente relacionada às expectativas que essas pessoas tinham de que os bens modificariam suas vidas.

Dinheiro só traz felicidade se comprar experiências, e não bens materiais. (Autor desconhecido)

Foto: Mochileiro Peregrino

Foto: Mochileiro Peregrino

Anúncios
Esse post foi publicado em Filosofia Viajante por Mochileiro Peregrino. Bookmark o link permanente.

Comente no Vagabundo Profissional

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s