As dicas de viagem que ninguém (nunca) te deu.

Interrail_Life_Venice_Morning_by_DharmaBum85

Sempre ouvi dicas de viagem com relação a hospedagem, passeios, comidas e espetáculos que eu “tinha” que ver. Mas tiveram várias vezes que pensei “droga, alguém podia ter me avisado que seria assim. O que era para terem me avisado ninguém avisa.”

Para que vocês não passem pelos mesmos perrengues que eu passei vou dar algumas ótimas dicas, que aposto que ninguém nunca te deu, nem ao menos lembrou de falar isso para você.

– Gaste uma grana a mais na sua mochila.

Mochileiro é econômico, está sempre sem grana e quer gastar pouco. Ok, mas se você não quer perder dois dias em um hostel no Espírito Santo por conta da dor nas costas causada por uma mochila de R$39,90 prefira gastar R$600,00 em uma boa e te poupar a coluna.

Além, é claro de dispensar a vergonha de ver sua mochila rasgando e suas cuecas voando pelo aeroporto de Foz do Iguaçu, quando você corria para não perder o vôo. É bem dispensável ser ajudado por uma norueguesa linda a recolher suas cuecas do chão. Sério.

– Não ouça o velho conselho de trocar o sabonete e o shampoo por um sabão em barra.

Uma galera das antigas me ensinou a economizar espaço na mochila trocando o sabonete e o shampoo por um sabão em barras. Eu poderia tomar banho, lavar roupas e seria tudo mais leve pra carregar. Seria perfeito, só que ninguém me contou que eu andaria pelas ruas parecendo o “Coisa” do Quarteto Fantástico, parecia que eu estive perdido no deserto do Atacama a 20 dias, sem água. Meus cabelos, grandes por natureza, ficaram parecendo o Beetlejuice, pra cima.

Leve um caderno para escrever suas impressões de viagem.

Tenho todos os cadernos que levei para meus mochilões. Foram em branco e voltaram em branco. No máximo serviram como bandeja na cozinha comunitária lotada.

– Escolha bem o quarto compartilhado no hostel

Por mais interessante que seja ficar em quartos mistos tem horas que ter que dormir com um belga nudista que ronca não é nada agradável.

E não, mesmo escolhendo uma acomodação comunitária você não vai transar com nenhuma deusa nórdica de olhos claros, vai por mim.

– Leve camisinhas.

Não, você não vai transar com ninguém. Mesmo por que se você seguiu o conselho de não levar sabonete e shampoo deve estar parecendo um E.T. As camisinhas serão bem úteis na hora que você precisar guardar algum item eletrônico e se der conta de que as sacolas plásticas custam US$1,00 cada.

– Leve mais camisinhas.

Ainda mais se o hostel tiver banheiro misto e você estiver hospedado no mesmo quarto que 5 hippies pregadoras do amor livre. Leve muitas camisinhas e não use todas para embrulhar o seu iPod quando for andar de barco.

– Leve protetor solar.

Parece idiota, mas você só vai lembrar dele a hora que for colocar a mochila nas costas e sentir como se uma serra estivesse passando por seus ombros. Vai por mim, leve protetor solar. E use-o.

– Compre mapas, de papel.

Sério, em alguma realidade paralela os mapas não são mais necessários. Não é o caso da nossa. A porcaria do pacote de dados que você contratou para o caso de se ver perdido entre o nada e o lugar nenhum, no meio da estrada para o Chuy, nunca vai funcionar. Nunca. E digo mais: nunca!

– Converse com todo mundo.

Fale com todos, mesmo sem falar o idioma delas. A língua é só uma barreira. Passei 3 horas conversando com um grupo de israelenses. Eu falando em português, elas em hebraico.

Não, eu não sei uma palavra em hebraico e elas sabiam dizer só “banana” e “Eo nao quero ficare cuntigo“. Foi uma das melhores conversas que já tive com alguém.

– Mulheres, não é seguro dormir em quartos compartilhados.

Não, você não vai ser agarrada por 11 estranhos. O grande perigo é você querer agarrar aqueles dois italianos MA-RA-VI-LHO-SOS da beliche do lado.

Anúncios

Sobre Vagabundo Profissional

“Muitos pensam que sou rico. Outros pensam o contrário. O que ninguém sabe é que minha riqueza é medida em histórias, em experiências e pessoas. Sim, sou rico. Porque viajei o mundo sem um único centavo no bolso. Sim, sou rico. Por causa das pessoas que conheci. Mas acima de tudo, sou rico, por que descobri o verdadeiro significado da vida.” (Fergal Smith)
Esse post foi publicado em Dica de Viagem, Relatos de viagem e marcado , , . Guardar link permanente.

28 respostas para As dicas de viagem que ninguém (nunca) te deu.

  1. Guilherme disse:

    Adorei! Por mais engraçado que seja (dei algumas gargalhadas), é assim mesmo que funciona! Ninguém nunca lembrou destes detalhes! rsrs…

  2. Simplesmente perfeito o seu post. Os blogs de viagem deveriam escrever mais “sinceridades” como essas…rsrs. 🙂

  3. Jacqueline disse:

    Hahahaha Adorei a parte do “você vai querer agarrar aqueles dois italianos…” Realmente, é a mais pura verdade! Muito bom, parabéns pelo post!

  4. Nathalia Fracasse disse:

    amo esse blog e sonho todos os dias com viagens assim.
    obrigada por compartilhar isso com a gente ❤

  5. Grasiele Pacheco disse:

    Perfeito, muito bom. mas acho que eu me arriscaria a dormir num quarto compartilhado se for assim ahahahahhaha

  6. ellentsqueiroz disse:

    Cara, adorei!! Tive que rir. Ótima ideia essa de dar dicas que não são comuns. Reforço essa do mapa de papel, ajuda horrores e nunca deixa na mão. Eu aconselho levar caderno para aqueles que curtem escrever e mais ainda para quem viaja sozinho, sempre tem aqueles momentos de reflexão.

  7. bruno disse:

    Hahahahhahah eu ri com a parte das hebraicas …”foi uma das melhores conversas q ja tive com alguem”

  8. Joice disse:

    Ahaha já comecei a rir pelo nome do blog, e depois com o post totalmente sincero!
    Parabéns! Gostaria que a galera falasse tb dos perrengues 🙂 e não só das dicas perfeitas.

  9. Não posso compartilhar post, posso?
    Queria postar esse no meu, com os créditos, claro!
    Adorei! Sensacional! É exatamente isso!

  10. Luzia Araújo disse:

    hahahaha, mto engraçado, a parte das cuecas então…

  11. Jane disse:

    Riccardoso, a conversa com as hebraicas (3 horas!) foi demais !!!
    Dei boas gargalhadas ! Viajar com vc deve ser muito divertido !
    Continue escrevendo com esse jeitinho que é só seu, aliás é um dom !
    Brigaduuu pelas dicas!
    Jane

  12. Palmas pra você, querido!
    Grata.
    # só viagem salva #

  13. Pingback: Blog Vagabundo profissional | no extrangeiro

  14. Silvana Bartz disse:

    Adorei ri muito e vou me lembrar de tudo na minha ida no ano que vem!!!

  15. Hahahaha só discordo da última!!! Sempre consegui dormir numa boa em quartos compartilhados, tudo bem que tem a tentação, mas é bem sabido que é simplesmente i-m-p-o-s-s-i-v-e-l concretizar (pelo menos no quarto do albergue)

  16. Bárbara disse:

    “perder dois dias em um hostel no Espírito Santo por conta da dor nas costas causada por… ” Sou de Vitória, e cançada de ouvir td mundo dizer que não sabe nada daqui, e bla bla bla. O estado é lindo, a capital, uma ilha, mais linda ainda, temos praia e montanha perto, trilhas e cachoreias… nossa cultura é rica, e nessa região sudeste tem uma cambada de desinformado. mimimi p vcs

  17. Rafael Marini disse:

    Se viajar sozinho e quiser uma foto, Sempre peca pra um chines ou japones que e garantido que a foto saira com qualidade! =D

  18. Máira Macedo disse:

    HAHAHAHHAHAHAHA
    Muito bommmm!!!!!!!!!
    Queria conversar pessoalmente sobre alguns desses itens e rir mais um pouco!

    E sobre o Espírito Santo, deu a entender mesmo que vc teve que perder um tempinho aqui pra descansar a coluna entre o Rio e a Bahia! Mas que bom q estar aqui foi uma escolha consciente sua! E só por curiosidade: onde fica esse hostel capixaba? Aprovou?

  19. Levar o caderno para anotar então não vale de nada pra você né?
    Também levo em branco e trago em branco, mas ainda quero conseguir escrever sobre minhas viagens nele.

  20. Adélie Gai disse:

    Eu peguei um gatinho lindo num hostel num quarto misto em praga. E ele ainda foi comigo pra Berlin!

  21. Mi Michele F disse:

    chorei de rir…….vou anotar td no caderninho que levarei hehehe em branco ele nao volta kkk

Comente no Vagabundo Profissional

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s